Botafogo - (21) 3518-8830 / (21) 3518-8836
Méier - (21) 2501-3958 / (21) 2501-1299
Tijuca - (21) 2568-2599 / (21) 2568-7650

Hérnia de Disco a Laser

Tratamento minimamente Invasivo do Disco Intervertebral

É um procedimento minimamente invasivo para tratamento da coluna, indicado em alguns casos de discopatia do disco e em algumas hérnias de disco abauladas ou protusas.
Procedimentos envolvendo a descompressão percutânea (através da pele) de disco destinam-se a aliviar a pressão intradiscal e eliminar os sintomas associados à compressão de estruturas nervosas adjacentes aos discos, com a vantagem de reduzir o trauma cirúrgico proporcionando melhor recuperação do paciente.

Sinônimos: discectomia percutânea a laser, descompressão percutânea de disco a laser, percutaneous laser disc decompression (PLDD), nucleoplastia percutânea a laser, nucleólise percutânea a laser, descompressão assistida a laser.

A descompressão percutânea do laser faz, de maneira assistida por imagem (radioscopia, Arco-C), a redução da pressão intradiscal através de vaporização do núcleo pulposo. O Laser pode ainda ser utilizado em conjunto com sistemas mecânicos para retirada da hérnia discal.

Uma das vantagens desse procedimento é ele ser realizado com anestesia local e leve sedação. Como o acesso ao disco é percutâneo, sem cortes, o tempo é curto e tanto a cicatrização, quanto o tempo de recuperação são rápidos, com alguns pacientes retornando as atividades diárias em 48 horas.

Esta técnica é utilizada nos EUA, Europa e Japão há algum tempo e está aprovada pelo FDA desde 1993. Em 2006, um estudo com 1000 casos demonstrou resultados semelhantes aos da TÉCNICA CONVENCIONAL.

Referências:
Mancini MW, Lopes LA. Aspectos Gerais da Técnica de Descompressão Percutânea de Disco a Laser. Nupen.
Task GP. Comparison of Results of 500 Microdiscectomies and 500 Percutaneous Laser Disc Decompression Procedures for Lumbar Disc Herniation. 2006.
Choy DSJ. Percutaneous Laser Disc Decompression. A 17-Year Experience. 2004

Voltar para Tratamentos